O que significa DNS? Como ele funciona? - King Arte - Informação em sua melhor forma
Skip to content Skip to sidebar Skip to footer

O que significa DNS? Como ele funciona?

O que significa DNS? Como ele funciona?

Você sabe o que significa a sigla DNS? Ou como ele funciona?

O que significa DNS? Como ele funciona?

O que é DNS

DNS é a sigla para Domain Name System (Sistema de Nomes de Domínio em português), podemos entendê-lo como uma tecnologia que converte os nomes de domínio inseridos na barra do navegador em endereços de IP.

Como o DNS funciona?

Podemos resumir sua função como uma agenda telefônica que traduz os endereços (nome do domínio) inseridos na barra do navegador - como www.kingarte.com, por exemplo, para seu respectivo endereço IP (Internet Protocol).

Os endereços IP são uma sequência de números que identifica não apenas os sites, mas também todos os dispositivos conectados à rede como, por exemplo, computadores, celulares e servidores. O sistema DNS é formado por servidores de DNS que se comunicam entre si e, ao trocar informações, permitem que você digite um endereço eletrônico e consiga acessar uma página da web.

Assim que você digita um nome de domínio legível, como www.google.com, o DNS converte a solicitação de nome para o endereço IP respectivo, controlando qual servidor será alcançado. Ou seja, evitando que você precise memorizar uma sequência numérica complexa como o endereço IP para acessar o Google, por exemplo, 142.251.46.174.

Ou seja, é o DNS que permite que você acesse um site digitando o nome do domínio ao invés do endereço IP. Imagine a dificuldade que seria ter que memorizar endereços IP dos principais sites que você acessa como 142.251.46.174 (no IPv4) ou endereços IP alfanuméricos mais complexos como 2400:cb00:2048:1::c629:d7a2 (no IPv6).

Tipos de DNS

DNS recursivo

Este tipo de DNS conhecido também como resolvedor atua como um bibliotecário que, ao ser solicitado por um livro específico em algum lugar da biblioteca, intermedeia a busca pela informação para você. Ou seja, de modo geral, o DNS recursivo realiza consultas para um ou mais servidores DNS autoritativos para encontrar as informações.

Servidor raiz

É a primeira etapa da tradução de nomes de domínio em endereços IP. Pode ser entendido como um índice em uma biblioteca que aponta para diferentes estantes de livros, servindo geralmente como referência para outros locais mais específicos.

Nameserver TLD

Seguindo a analogia de uma biblioteca, entenda o servidor de domínio de nível superior (TLD) como uma estante de livros específica em uma biblioteca. É a primeira parada após a zona raiz na busca de um endereço IP específico e hospeda a última parte de um hostname (em kingarte.com, o servidor de TLD é "com"). Em termos mais simples, é tudo o que segue o ponto final de um nome de domínio.

DNS autoritativo

Chegamos então ao servidor autoritativo, a última parada na consulta de um servidor DNS. O DNS autoritativo pode ser imaginado como um dicionário em uma estante de livros, no qual um nome específico pode ser traduzido. O DNS autoritativo retorna o endereço IP do nome de domínio solicitado para o DNS recursivo (o bibliotecário) que fez a solicitação inicial.

Vale mencionar que, nos casos em que a consulta é para um subdomínio, como download.kingarte.com, um nameserver extra será adicionado à sequência após o nameserver autoritativo, que é responsável por armazenar o registro CNAME do subdomínio.

Etapas de uma pesquisa de DNS

O caminho de uma pesquisa DNS parte de um navegador web e após todo o processo de pesquisa de DNS é que, então, retorna à origem. Abaixo examinaremos todo esse percurso.

  1. Um usuário digita exemplo.com em um navegador. A consulta viaja pela internet e é recebida por um resolvedor de DNS.
  2. O resolvedor consulta um nameserver raiz de DNS(.).
  3. O servidor raiz responde ao resolvedor com o endereço de um servidor DNS de Domínio de Nível Superior (TLD) que armazena as informações de seus domínios.
    Quando buscamos exemplo.com, nossa solicitação é direcionada para o TLD .com.
  4. Então o resolvedor faz uma solicitação ao TLD .com.
  5. O servidor de TLD responde com o endereço IP do nameserver do domínio exemplo.com.
  6. O resolvedor envia uma consulta ao nameserver do domínio.
  7. O nameserver retorna o endereço IP de exemplo.com para o resolvedor.
  8. O resolvedor responde ao navegador com o endereço IP do domínio solicitado inicialmente.

Assim que as etapas da pesquisa de DNS tiverem retornado o endereço IP para exemplo.com, o navegador faz a solicitação de HTTP da página para o endereço IP e o servidor nesse IP retorna a página da internet que deverá ser renderizada no navegador.

Felizmente, nem sempre os resolvedores de DNS precisam fazer diversas solicitações para responder a consulta realizada, pois, muitas vezes, as informações da pesquisa de DNS são armazenadas em cache (em seu computador ou remotamente na infraestrutura de DNS) por um período de tempo definido (TTL), ajudando a encurtar o caminho e consequentemente tornando o processo mais rápido.

Por padrão, o serviço de DNS que utilizamos é oferecido pelo provedor de acesso contratado (Tim, Claro, etc..); mas, ainda assim, é possível usar outros serviços de DNS que oferecem um melhor desempenho e segurança. Dentre as opções temos OpenDNS, Google Public DNS e o DNS da CloudFlare, que é o mais utilizado por nós da KingArte.

É possível alterar o DNS tanto no seu computador quanto em seu smartphone, e até recomendamos que o faça. Algumas opções, além de rápidos, são capazes de detectar sites falsos ou infectados e até mesmo bloquear sites de conteúdo adulto, ou seja, um sistema de proteção parental.

Postar um comentário em "O que significa DNS? Como ele funciona?"